CHORANDO ESTARÁ AO LEMBRAR DE UM AMOR QUE UM DIA NÃO SOUBE CUIDAAAAAR. (e vê se não chora também, tá? :’/ )

Esperei agora na porta quando você saiu, e as horas passaram como se não fossem mais voltar. Devo ter decorado todo os detalhes do muro vermelho do vizinho arquiteto da frente, tentando mentalmente não assimilar o que aconteceu, achando que você ia pensar que eu era um babaca e que eu devia assumir tudo isso, e que eramos tudo isso, e que estávamos fadados à tudo isso, e que tudo isso mesmo era o que sempre desejávamos, como um lugar onde ficaríamos sem ar de tanto trocar olhares, mãos no joelho, beijos, bebida no copo e comida na boca.

Não que eu não fosse resistir esperando você voltar, mas na confusão esqueci de deixar o notebook carregando, e algumas horas e poucos minutos depois, ele anunciava que iria apagar. Pensei em nós, e pensei nos vizinhos que já haviam ouvido aquilo tudo. Entrei e a cara em preto e branco da Kirsten Dunst me fizeram sacar que dessa vez eu sujei e vez a parada. E a parada deu uma parada. Mas se eu tivesse ido te pegar de volta na parada, tudo teria ficado bem. Por que eu só esperei?

Sometimes I just hate you so much Justine. (ponto)

Anúncios

Um comentário sobre “CHORANDO ESTARÁ AO LEMBRAR DE UM AMOR QUE UM DIA NÃO SOUBE CUIDAAAAAR. (e vê se não chora também, tá? :’/ )

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s